Skip to main content

Intercâmbio na Austrália

A Austrália é o país localizado na Oceania com maior procura para se fazer intercâmbio, competindo apenas com a ilha da Nova Zelândia, que fica a 2.000km de distância da Austrália. O país é uma ótima opção para quem deseja estudar inglês e ainda assim morar num lugar de clima mais ameno e mais parecido com o Brasil do que as outras opções que oferecem estudos de língua inglesa, como países da Europa e Estados Unidos, que possuem invernos rigorosos e intensos.

Com uma estimativa de mais de 23 milhões de habitantes em 2013 e de colonização européia, a Austrália se tornou independente do Reino Unido em 1901, fato que consolidou a sua língua oficial como sendo o inglês. A cidade mais populosa e mais conhecida, Sydney, é a que mais se parece com a capital São Paulo, por ser grande e ter muitos habitantes. Sydney também já foi sede das Olimpíadas, evento que aconteceu no ano de 2.000 em terras australianas.

Leia também:

Rodeada pelos Oceanos Pacífico e Índico, o clima na Austrália é temperado na maior parte do ano, podendo variar um pouco de região para região devido à grande extensão do país. Também por isso, o país possui um dos melhores picos do mundo para a prática de surfe, oferecendo onda para todos os níveis e gostos em seus diversos quilômetros de extensão de praias.

Porque fazer um Intercâmbio na Austrália

Além do surfe, diversos outros esportes são praticados em solo australiano, como o “footy”, uma espécie de futebol que engloba também outros esportes, como o rugby. Os australianos são apaixonados por esportes e praticam sempre. O cricket é muito jogado nas areias das praias pelos amadores, mas também leva milhares de fãs às competições oficiais. O AFL – Australian Football League – é o futebol com regras australianas, sendo o principal esporte do país e que atrai o maior público. Uma das maiores diferenças entre o AFL e o futebol tradicional é a bola, que neste jogo é oval.

Lá, o churrasco é chamado de “barbie”, o diminutivo de “barbecue”, sua tradução literal. Outros pratos típicos da região são peixe frito empanado com batata frita; meat pies, que seria uma espécie de torta de carne parecida com uma empada e com recheios salgados variados; pedaços de batata fritos com sour cream; e vegemite, uma pasta feita para passar no pão, que tem em seus ingredientes levedo de cerveja. E para beber, não deixe de experimentar o bubble tea, um chá misturado com leite e com bolinhas de tapioca no fundo.

Para praticar um pouco de turismo, o primeiro destino pode ser o maior recife de corais do mundo, a famosa Grande Barreira de Coral australiana, que fica situada entre a Austrália e a Papua-Nova Guiné. Com 2.300 quilômetros de comprimento, a faixa de corais é composta por cerca de 2.900 recifes e 600 ilhas continentais. Outro lugar muito bonito de se visitar é a Tasmania, ideal para quem gosta de aventuras. Já para quem prefere praias, a Gold Cost é o destino ideal para conhecer e ainda por cima garantir um belo bronzeado, assim como Manly Beach, em Sydney. Sydney também é a cidade mais badalada da Austrália, perfeito para quem prefere curtir a noite em bares e baladas com os amigos.